terça-feira, agosto 04, 2009

Agosto na escola


no ano em que o diogo entrou para o colégio este tinha 3 períodos de encerramento durante o ano lectivo: uma semana no natal, uma semana na páscoa e 2 semanas em Agosto; é claro que o encerramento da escola não dá jeito nenhum porque as nossas férias ficam de imediato marcadas sem tempo nem espaço para alterações ou revisões. por esse motivo, quando nos foi anunciado que a escola deixaria de fechar (aberta o ano inteirinho!) a notícia pareceu-nos fantástica; pudemos assim tirar férias em julho no ano passado e em junho já este ano.

mas...

as vantagens terminam mesmo na questão da marcação das férias e, pelo que eu tenho observado ao longo destes últimos dois anos, o resto são tudo desvantagens; senão, vejamos:

durante 2 meses por ano (repartidos em períodos de 2 semanas aqui, duas ali e duas mais acolá), os miúdos têm funcionários diferentes na sala (porque a educadora tem que ser substituída durante as suas férias, porque a auxiliar também tem que ser substituída durante as suas férias);

durante o verão os miúdos são agrupados em menos salas porque não há nem se justificam técnicos para tão poucas crianças em cada sala - isto fez com que este ano a sara tenha feito a adaptação à sala nova em julho e neste momento já esteja numa outra sala (a dos 4 anos onde os miúdos estão agrupados);

em agosto a escola está aberta mas não há actividades extra, ou seja: já não basta estarem meia dúzia de gatos pingados na escola, ainda por cima não há nada estruturado para os entreter (motivo pelo qual este ano decidimos fazer 3 semanas de férias este mês).

por tudo isto encontro-me num dilema...tenho sobre a minha secretária uma ficha de avaliação global do funcionamento do colégio durante este ano lectivo e não sei se aborde ou não este tema; porque sei que a maioria dos pais não concorda comigo e porque não acredito que a directora volte atrás (só se verificar que se torna incomportável ao nível dos custos associados); penso que vou dar uma no cravo e outra na ferradura: colégio aberto, sim senhora, mas noutros moldes. com actividades estruturadas e com mais informação aos pais.
qual a vossa experiência?

21 comentários:

mdemae disse...

olá!
o colégio dos meus miudos fecha apenas uma semana em agosto e, fora isso, no verão, tirando a praia e idas ao parque ou ao cinema, têm funcionado sem actividades programadas.
eu vejo isso como uma vantagem pois os meus três pirralhos podem estar na mesma sala, conhecem melhor meninos de outras idades (por exemplo, a T., que tem agora dois anos, fala-me imenso de meninos da primária que têm brincado com ela nestes dias).
a educadora de um deles disse-me que andam um pouco ao-sabor-da-maré: as actividades, improvisadas, surgem à medida que surge um tema, que algum dos meninos aborda um assunto e é tudo feito de uma forma transversal, pelas diferentes faixas etárias, o que pode revelar-se divertido e até enriquecedor.

beijocas!

(you know who ;)
m-de-mae.blogspot.com

LP disse...

A escola dos mais novos fecha 15 dias em Agosto. Durante o mês de Julho as actividades normais acabaram mas tiveram outras. Todos os dias tinham uma actividade diferente (ioga, futebol, ténis, natação, dança) e quando estava bom tempo iam para a piscina (eles têm piscina na escola, o que é uma vantagem).

Estes 15 dias continuam a ir à piscina e alguns estão a adaptar-se às novas educadoras ou salas.

Quando uma delas está de férias nada muda, as actividades continuam e eles mantém o ritmo da sala.

Rita disse...

Olá Inês!
Aqui a creche fecha o mês de Agosto inteirinho, mas nas duas últimas semanas de Julho já achei aquilo demasiado "morto", sem actividades e com a agravante que na última semana já tinham retirado quase todos os brinquedos das salas... realmente para estar aberto assim não sei se valerá a pena, mas lá está, a questão das férias tb é importante...

InêsN disse...

em julho o colégio dos meus tem actividades programadas e nós recebemos um quadro com tudo indicado...em agosto é que não há nada! de manhã estão na sala e a tarde passam-na toda no parque (os meus saem de lá tão cansados que quando chegam a casa nem querem ir brincar para a rua, só tv!).

maedoskiduxos disse...

A escola dos meus só fecha na última semana de Agosto (para limpezas e desinfecção). E sim, não há actividades estruturadas, mas continuam a ter música e ginástica uma vez por semana.
Em Agosto acabam por juntar os miúdos todos num grupo só, e existe sempre uma Educadora presente, para além das duas auxiliares e da cozinheira.

Mother_24 disse...

Pois é uma situação complicada, no meu caso a escola é publica logo mes de agosto está fechada. mas mm antes dos complementos de horario terminarem via-os sem actividades de maior, tinham piscina de manhã ou á tarde mm lá dentro da escola, andavam por lá a brincar poucos miudos e espalhados de todas as salas sem fazerem nada de concreto

deve ser complicado para quem fica com eles inventar tantas coisas, mas no teu caso já q é um colegio ao menos fizessem mais coisas!

acho q deverias sim dar a tua opinião, não no sentido de criticar mas melhorar! é que assim os miudos tb saturam-se e depois fazem como o meu que começou a queixar-se q já n queria lá estar! tal era a inércia!

jocas

morgy disse...

A creche onde está o gabriel pertence a uma associação que tem outra creche aqui na mesma zona.
No verão uma fecha em julho e a outra em agosto. Os meninos cujos pais comprovadamente trabalham no mês em que a escola fecha podem frequentar a outra escola.
Na creche onde o meu anda, há actividades especiais no mês de verão em que está aberta, geralmente piscina para todos e este ano houve até umas aulas especiais de música para a creche (a educação musical só começa no pré-escolar).
Já a outra creche... enfim não vejo acontecer nada, é suposto também fazerem piscina, mas pelo que vi é só para os mais velhos.
O gabriel (nem os outros meninos) gostam de frequentar a creche que não lhes pertence. Não conhecem o espaço, não conhecem as pessoas e nem sequer conhecem os coleguinhas.
O puto está lá bem o dia todo, mas depois chega a casa e descarrega a tensão... birras de meia-noite nunca vistas. Um horror, e ainda só vamos no terceiro dia.
Podia mandá-lo uns dias para os avós, que a minha mãe até tirou férias nesta altura, mas já se sabe que depois o regresso seria ainda pior.
Mas mesmo assim, prefiro este modelo a ter de tirar férias obrigatoriamente em determinado período, principalmente porque o tiago não tem tanta margem de manobra para marcar férias sempre para agosto, pascoa, etc... Ia acabar a fazer eu férias com o miúdo e ele depois sozinho noutra altura...

csr disse...

Na escola dos meus colocou-se essa questão no ano lectivo passada (estar aberta no mês de Agosto), fui contra e serei sempre contra.
As desvantagens são muitas e desde que se saiba que nesse mês não podemos contar com ela há sempre outras soluções. O aspecto negativo que mais me deixa incomodada é sem dúvida as crianças estarem dois meses sem as pessoas de referencia para elas, e quando a educadora está de férias quem é que estrutura o trabalho?, ainda há a questão da limpeza e de pequenas obras e reparos que têm de ser feitos e se a escola está aberta todo o ano quando é que são feitas. Em Agosto, na escola dos meus, faz-se uma limpeza de paredes e estruturas que com os miúdos lá era impensável fazer.
A mim aflige-me só de pensar que há crianças que estão das oito às oito doze meses por ano numa escola. Bem sei que não é assim mas é essa a sensação que tenho.
Ainda sou uma sonhado que olha para a escola como uma instituição de ensino e não como uma empresa...
bjs e boas férias.

Cláudia disse...

Colegios abertos todo o ano, à partida parece fantastico...afinal essas desvantagens que falas estou inteiramente de acordo...
Deviam fechar 15 dias em Agosto, minimizavam a questão das férias das educadoras e auxiliares e aproveitavam para grandes limpezas,pinturas, manutenção, etc.

TrêsGatosMiaus disse...

A nossa escola fecha o agosto, pq n compensa em termos de custos. Os pais dizem sp q dá jeito e dp n aparece ninguém...

Por outro ldo o mês de Julho é recheado de actividades (visitas variadas, exposições, banhos de mangueira, pic-nics, praia, cinema, acividades na escola: pinturas livres, horas do conto, teatros, manhãs de anedotas, sessões de filmes c direito a pipocas, contruções livres.... e todos os dias à tarde tirando visitas de dia inteiro uma horita de tta= tempo de trabalho autonomo, onde reforçamos o q trabalhámos no ano lectivo). resultado casa cheia... quase cheia e todos os funcionários estão presentes.

beijocas cláudia

Patrícia M disse...

Na dos meus filhos, acontece o mesmo. Não fecham o ano todo, à excepção da semana os feriados em Junho e de uns dias soltos aqui e acolá...

O mês de Junho é preenchido com praia e actividades de passeio. O mês de Julho com umas idas à piscina (improvisada no terraço da escola) e outras ao parque lá ao pé.

O mês de Agosto é um bocado "salve-se quem puder". As salas também se juntam, e os miudos andam entregues ou a eles proprios ou as auxiliares...

Vale-nos que a escola não é muito grande e todos já se conhecem uns aos outros, o que faz com que nenhuma seja estranha aos miudos. Mas tal como tu, também sinto alguma instabilidade na escola naquele período.

Eu ao contrario de ti, este ano optei por NÃO tirar férias em Agosto. Optei por experimentar a escola em Agosto.

E como sabes tenho casa no Algarve que posso usufruir quando quiser. Mas a confusão do mês de Agosto deixa-me de cabelos em pé. As praias ficam sobrelotadas. Os supermercados de prateleiras vazias e filas intermináveis e os restaurantes impossíveis de se frequentar.

Por tudo isto este ano optei por férias em Julho e pelo sossego. Quanto à qualidade das férias nao me arrependi, antes pelo contrario. Quanto à qualidade escolar, no final de agosto logo te direi!

Não imaginas a diferença que faz na qualidade das férias. 15 dias em Julho, vs 15 dias em Agosto... Da noite para o dia!

:)

Boas férias!!

Márcia Carvalho disse...

Olha, o estarem noutras salas nem me parece mau de todo o pior é mesmo o "nada para fazer". A escola assim é mesmo depósito! Além diso a mim parece-me que os miúdos merecem ou precisam de um período longo de férias. Se não for agora... eu játenho pena que os meus só tenham um mês seguido.

InêsN disse...

concordo, márcia! por isso as 3 semanas seguidas + 1 logo a seguir com a avó e tia!

(mais não conseguimos, infelizmente)

Moika disse...

Eu não queria responder,mas não me consegui controlar...

Quantos meses os vossos filhos passam na escola?Por ano?

Deixam de ser génios por estarem um mês ao sabor da maré?

Não me parece...

Grilinha disse...

O Cantinho só fecha na última semana de Agosto, para limpezas muito profundas, pinturas (é o caso deste ano) e organizações dos professores para o ano lectivo. No mês de Agosto estão muito menos meninos, mas quase todos se conhecem e há muitos brinquedos disponíveis. As actividades são mais livres e existem também os parques infantis. Acho que até se torna extremamente divertido , estar com os amigos, sem aquela rotina tão rigida. Passam a considerar a escola também um espaço bastante lúdico, só divertindo-se e isso parece-me bem...
Pessoalmente agrada-me porque ele continua a vir muito feliz e divertido (mais só em Julho com a ida à praia e piscina na escola) e eu nunca gostei de ir de férias em Agosto. (bem basta a última semana).

Mas cada caso é um caso e ele não fica com educadoras ou meninos que não conhece...por isso, só mesmo o teu coraçãozinho saberá dizer o que pensas disso. E aí, só terás de fazer valer o teu ponto de vista.

Beijinho

InêsN disse...

querida moika, o facto de os miúdos terem actividades de LAZER programadas não é de certeza pior do que estarem tardes inteiras (semana após semana) no parque...

quanto aos meses que passam no colégio, são mais do que deviam ser mas os possíveis para pais trabalhadores.

InêsN disse...

os meus miúdos tb não ficam com pessoal nem meninos desconhecidos; parece-me, no entanto, que tanta mudança em tão pouco tempo (não esquecer que iniciam a adaptação à nova sala em julho) não é o mais positivo para eles...

Ana disse...

A da minha fecha 3 semanas em Agosto mas em Julho fazem vários ateliers e mantém as actividades desportivas. Eu reclamava a falta de actividades estruturadas neste período.Beijinhos

Sara disse...

Eu, como educadora, acho que é importante que o colégio feche, para reestruturar espaços, fazer reparações etc. Quanto ao tempo sem actividades: em julho organizamos ateliês durante a parte da manhã e actividades livres à tarde. Em Agosto, deixamos as actividades um pouco ao critério do acontecimento. Ou seja, fazem desenhos, plasticina, pintam, brincam nas áreas das salas, ouvem uma história, vêm um filme... Isto porque eu também acredito que as crianças estejam cansadas de tanta rotina e coisas obrigatórias. Nesta altura estão mais impacientes e querem é brincar, só brincar, sem imposições. Assim como nós nos fartamos das coisas, eles também. E, coitados, não têm alternativa a não ser estar na escola. Quando estão em casa também é tudo muito estruturado? Também é bom eles sentirem-se livres e orientadores do tempo deles e de fazerem o que lhes apetece. Na minha opinião...
Quanto à colocação das cianças noutras salas... é inevitável. Mas de certeza que durante o ano tem contacto com todos os funcionários do colégio e não deve ser assim tão complicada a adaptação. Onde estou não tem havido problemas e eu recebo de todas as salas.

pal disse...

a minha experiência é esta - apesar do infantário estar aberto todo o ano, as miúdas fazem férias de escola no dia a seguir à festa de fim de ano lectivo até ao início do ano seguinte, em setembro.

faço-o porque ainda estou em casa, claro. se só tirasse eu pp férias com o meu marido, elas teriam de passar mesmo quase todo o ano no infantário - mesmo com alguma ajuda das avós...

o pessoal do iinfant´rio reparte as suas férias ao longo do ano. (a educadora da T, por exemplo, até está lá em Agosto - já fez férias em julho e na páscoa, salvo erro)

sei que param muitas das actividades programadas, mas não todas.

por outro lado, concentram as saídas com os meninos para Julho/Agosto (saídas daquelas "rápidas" perto da escola - ir ao correio, ver o consultório de um veterinário, ver o quartel dos bombeiros, etc)

este ano mostrei a minha desilusão por fazerem estas saídas só neste período - as minhas não usufruirão de nenhuma - embora perceba muito bem que, com menos miúdos, é muito mais fácil e sempre têm dias, de facto, diferentes...

acho que sim, deves lançar a crítica de que esperavas outro tipo de acompanhamento às crianças cujos pais não terão mesmo outra alternativa se não levá-los ao colégio (é para isso que servem as avaliações!)

bjs

Liza disse...

Oi! Achei lindo o título. Entrei por causa dele. Então, achei mais lindo ainda saber quem eram as 'ervilhas'...rsrsr. Parabéns por este espaço!!! Vamos trocar links? Muitos, muitos beijinhos de luz para as ervilhas!! Liza (http://espacoeducar-liza.blogspot.com)