segunda-feira, outubro 03, 2011

ai, diogo...


ao jantar:

"oh mãe...dói a morrer de velhice?

O.O

"errr...se morrermos a dormir acho que não..." (sabia lá eu o que dizer!)

"e se não for a dormir?"

"oh filho...não sei!!"

"mas porquê?" (pergunta o pai)

"oh...porque eu não quero que doa..."



(este puto dá-me com cada facada no coração, pá...)

8 comentários:

Luz de Estrelas disse...

O meu tb anda nisso. Angustia-me a toda a hora. Hoje despediu-se de mim dizendo "mãe, por favor não morras, nunca, nunca, nunca". Ainda acrescentou umas coisas,mas amanhã ponho do outro lado.

Anónimo disse...

Inda vais aprender muito com ele!

xxx
M/G

Sónia disse...

No que anda ele a pensar :)

Mar disse...

É uma fase. O P. também tem feito perguntas sobre a morte.

(pronto, e contou aos miúdos todos da escola que eu lhe queimei a bisa numa fogueira)

Eu acho óptimo eles perguntarem. A morte é um assunto angustiante e é muito melhor eles deitarem as dúvidas cá para fora, para podermos acalmar os seus anseios.

(ele não faz a mínima ideia que te dá facadas no coração, e ainda bem).

inesn disse...

Mar, o Diogo sabe "tudo" sobre a morte e, pelo que percebo, não tem medo dela...tem medo da dor e isso é outra coisa. A morte cá em casa é um tema falado e discutido desde que o avô morreu mas, confesso, ontem ele apanhou-me desprevenida :)

Mãe(q.b.) ao quadrado disse...

Nunca é um assunto fácil de falar, mas confesso q o meu tb anda sempre nisso :S

jokas

Ana disse...

Inês, descansa-te um bocadinho o coração dizer que ainda bem que ele tem a confiança e à-vontade tão bom convosco para vos assaltar assim com essas perguntas, com a maior das naturalidades?

É um tema difícil, óbvio, mas é tão bom que ele saiba falar convosco sobre isso assim, abertamente! :)

E não importa muito se as respostas que lhe vão dando sejam as correctas. Importa que conversem e que encarem a conversa com naturalidade.

Beijinhos na ervilhinha curiosa. :)

Luna disse...

Ufa não sou a única, meu já começou com questionário sobre o assunto, eu nem sei bem como lhe responder.
Ainda algumas semanas me sai com esta" ó mae quando tu morreres eu vou ficar mto triste" epá gelei.
vou aproveitar o topico das respostas.
bjos