sexta-feira, novembro 17, 2006

apesar do que (acho que) algumas pessoas pensam

tenho medo de não me voltar a sentir tão realizada como me sinto neste momento...

explicaçãozinha: estou a falar do facto de daqui a menos de 1 ano ter de deixar esta maravilhosa profissão de mãe a tempo inteiro para me dedicar a um qualquer trabalho que me dê dinheiro para sustentar os meus filhos. é disso que falo. disso e de ter a certeza que este é o período mais rico e mais realizado da minha vida.

19 comentários:

JL disse...

o medo é sempre mau conselheiro.
;)

Ana Costa disse...

oh Inêsucha !!!! com a tua matilha unida para o resto da vida, como podes ter medo??? a vida vai ser uma alegria !!! é uma dádiva que tens nas mãos, e depois é vivela um dia de cada vez. um beijo grande !!!!

Sandra disse...

Eu acho que percebo o que dizes...Eu se por um lado tenho medo de não me sentir realizada de outra forma por outro, às vezes, acho que seria mais feliz se larga-se o medo atrás das costas, a ansiedade o corre-corre-não-sei-para-onde e me dedicasse ao que realmente me interessa.

Confuso isto?!...Enfim, acho que no fundo gostava de ter a tua coragem.

amor disse...

Lá está ela a inventar desculpas para sair do paraíso.

ana disse...

eu tenho medo de nunca chegar a sentir-me realizada...

florbola disse...

Quando te vierem à cabeça esses pensamentos pôe logo de parte.

jl disse tudo!

Bj. e "curte" o teu bem estar ; )

Anónimo disse...

os tempos mudam, as situações mudam, nós mudamos, os nossos objectivos mudam, a nossa noção de realização muda...

ursitazul

Lúcia disse...

Mas se te sentes realizada assim para quê mudar a forma de vida ( digo eu que acho que é disto que se trata ). Somos todos diferentes e o que interessa é sermos felizes, não vivermos todas da mesma forma.
Bjnhs e bom fim de semana

Sandra disse...

Agora assim de repente...Nem sei se falamos das mesmas coisas, mas tomei a liberdade de assumir que sim....

nana disse...

e porquÊ perder tempo de felicidade e realização
agora
a pensar em "e se's"?....


CARPE

DIEM

TODOS

OS

DIAS!


:o)
xxXXx

Sophie disse...

Menos de 1 ano é muuuito tempo.
:)
Goza agora. E não tenhas medo de nada.
Beijinhos.

DoCeu disse...

Mas dd qd tu te governas pelo que os outros pensam?!!!
xxx

InêsN disse...

desde nunca...o título é o que menos interessa neste post :p

vanessa disse...

Vive o presente que cada dia te traz! Vive muito os teus filhotes lindos! Vais ver que não vais deixar de te sentir realizada, só por teres que arranjar outro trabalho.
Dito isto tudo, mas percebo perfeitamente o que queres dizer, apesar de não ser mãe.
Beijinhos grandes e não penses nisso agora. Curte-os!

Patrícia M disse...

Vais sentir saudades dessa vida. MUITAS. Vais jogar no €uroMilhoes TODAS as semanas. Vais estar a trabalhar apenas com metade da cabeça. A outra vai estar com eles. Mas não é por isso que vais ser menos feliz. Adaptamo-nos às necessidades, e reviramos a nossa vida em função do que é preciso...
Vai ser outra fase da vida... Mas agora aproveita esta... E bem!
Beijos Grandes!

Ana Costa disse...

e depois de ler a tua explicação ... percebi-te um bocadinho melhor, deixa-los vai-te custar, mas há sempre uma recompensa. passo a explicar: passou-se o mesmo comigo, um sentimento que me invadio de angustia, medo e sei lá, muitos pensamentos ruins, mas aos poucos habituei-me à rotina pois a gente tem de ganhar a vida e como tal começei a perceber que para o nosso bem estar e tb para o bem estar deles é bom que haja uma pequena separação (horario laboral) pk apesar de os amarmos de uma forma incondicional nem sempre as coisas correm bem, a saturação começa, pk é uma carga psicologica e fisica mt grande passar 48 horas sob 48 horas a tratar deles. desde que retomei a minha vida profissional, uma coisa mudou, quando chego a casa as saudades sao maiores, a disposição para tratar deles é outra, a paciência renovada e sinto que às vezes usufruo de momentos com ele muito bons. a eles tb faz bem desapegarem-se um pouquinho de nós, torna-os mais independentes e até mais fortes no futuro. será que me fiz entender? em fim, às vezes na brincadeira e em certos dias de maior stress costumava dizer que quando ia para o trabalho, ia descansar, por outro lado sinto muitas vezes saudades de passar uns bons 15 dias a fio com ele sem ter de ir trabalhar. a mente humana é muito complexa. não sei se ajudei se compliquei ... ups

Ana Rangel disse...

:)

Compreendo-te...

LP disse...

Percebo-te mas não receies nada para já. Primeiro escolhe um trabalho onde te sintas bem.

doraseixas disse...

linda a tua realização está em casa, dentro dessa 4 paredes...

o trabalho q irás ter será o teu ganha pão, nada mais q isso...

keres-te sentir mais realizada do q chegares a casa e veres esses 4 olhos lindos a olhar para ti e os braços estendidos a pedir colo...

duvido :O)