sábado, novembro 25, 2006

last night

fomos a um concerto de uma banda punk de amigos do pai-vagem.

e pela primeira vez em dois anos tive saudades da inês gaja. a inês do bairro alto. a inês dos copos. a inês das grandes noitadas.

e, por momentos, senti-me triste.

e depois passou. aquele sentimento. num instante.

acho que foi nostalgia.

(e acho que, finalmente, estou a ganhar algum equilíbrio. porque não sou só mãe. sou gaja. e das duras :p)

(e ao escrever este post apercebi-me, como que iluminada, que hoje estou tão melhor...porque não sou só gaja. e não sou só mãe. sou uma mãe-gaja!)

20 comentários:

nana disse...

TU é que és a verdadeira dois-em-um, portanto...

;o)

HAPPY with you.

xX

DoCeu disse...

Ora assim é q é falar!!!!

Rute disse...

:D

Beijocas,
Rute e André

Monica disse...

MAIN NADA!
E és uma ganda Mãe, ó gaja hehe
Beijos

borboleta disse...

:)

Patrícia M disse...

Tomara muitas gajas, serem uma MÃE como tu!
Bjs!

Ana Costa disse...

ganda gaja !!!! e o pai tb é gajo ??? lol

Rita disse...

That's it!
Sorriso cumplice

ni disse...

Bem, se fosses uma mãe-gajo é que seria mais complicado...
;o)

(ai como percebo essa nostalgia...)

Beijos e abraços

Quicas disse...

E que gaja!..e que mãe!...

beijocas

Anónimo disse...

ola INES, nao sei se te kembras de nmim: sou a AMAR do clix! Recordaste?
Tenho uma leonor que vai fazer 7meses na proxima quarta feira e sabes? so me deu 1noite mal dormida ate hoje que foi na 1ª noite que veio para casa!desde entao nunca mais dormiu mal! habituei-a a dormir as horinhas certas desde que nasceu: de dia, dependendo de onde estavamos, dormia no berço ou na alcofa mas com luz, barulhos, tudo que leh fizesse entender que era dia e à noite por volta das 23h, toma banho, mama e cama e luz apagada toda a noite sem SEQUER A ACORDAR POARA DAR MAMAR!! ainda dorme no nosso quarto pq ainda nao temos o dela pinatdo mas dentro em breve vai para o dela e sei que poderá estranhas mas o mais importante é impor-lhe rotinas! um conselho, nao a deixes dormir no final da tarde pois senao ela nao te vai ter sono nenhum à noite!!
tb tenho um bloh, depois ve e deixa comentario....se quiserres: http://wwwprincesaleonor.blogspot.com/
beijokas grandesssssssssss

Costinhas disse...

se ser gaja é fixe...
se ser mãe é baril...

ser mãe-gaja é do melhor!!!

:)

Sandra disse...

E ter uma mãe que se sente também gaja, é do melhor!

Carla disse...

Ai o que gostei de ler este post, sabes que ser mãe não me chega :o), e de gaja ainda continuo a ter um bocado, portanto identifiquei-me com o conceito: mãe-gaja. ok!

Beijinho

rakel disse...

E viva as mães-gajas!!!
Bjs

Susana Vasconcelos disse...

É assim mesmo mãe-gaja!! :-)
Sabem tão bem estas noites, não sabem?
Beijinhos grandes,
Susana

Kika & Inês disse...

Já não vinha aqui à algum tempo e adorei regressar...foi com um sorriso nos lábios que vos li....

AnaBond disse...

és uma senhora mãe gaja!
(senhora no sentido de grande, não de senhora senhora)

rosinha_dos_limoes disse...

:o)

Daniela Mann disse...

Até me emocionei! Uma reflexão muito bonita!
Beijinhos