terça-feira, maio 10, 2005

amamentação #2

" DÊ DE MAMAR A SEU FILHO (parte I)

Atenção comadres mães
Pra você vamos falar
Dizendo tintim por tintim
Do valor de amamentar
Leia todo esse folheto
Não deixe nada passar

Criança que mama no peito
Cresce sadia e forte
É difícil adoecer
É raro chegar a morte
Só seu leite tem esse poder
Você é uma mulher de sorte

Saiba que o leite materno
Pra criança é fabricado
Vem todo dosado certo
Pra um serzinho delicado
É de fácil digestão
Evitando bucho inchado

Explico pra toda mamãe
Do mundo e do meu Brasil
Que no primeiro ano de vida
Seu leite tem valores mil
Pois atende às necessidades
Do organismo infantil

Contém ferro e vitaminas
Você não usa papeiro
É puro não tem micróbios
E você não gasta dinheiro
Também não usa o fogão
Está pronto o dia inteiro

(...) "


2ª dica: posicionamento da mãe e do bebé - pensei recorrer ao livro de que vos falei (sim, é em inglês, luna..) mas acho que a minha experiência é mais enriquecedora (afinal, os livros só nos dão a teoria...nós é que temos que passar à prática!). Eu comecei mal...como a cabeceira da minha cama é apenas um ferro, comecei por dar mama toda reclinada sobre o bebé (algo que o livro me tinha ensinado a não fazer, mas enfim...); resultado: ao fim de uma semana estava com uma dor de costas pavorosa (a juntar às dores próprias do pós-parto!). O que fizemos? Comprámos no Continente uma almofada daquelas em triângulo que nos permitem estar recostadas...

O que é importante retêr: a mãe deve estar o MAIS confortável possível, se não...não resulta! Deve estar com as costas direitas e muito bem apoiadas! Nada de ombros tortos ou rins mal apoiados!!

O bebé deve estar em linha, ou seja: não deve ter o corpo aos "S's"...o diogo começou por mamar com a cabeça virada para a mama mas também não se deve fazer isso: todo o corpo do bebé deve estar virado para o corpo da mãe e ele não deve ter que fazer nenhum esforço para alcançar a mama!

Espero não estar a dizer nenhum disparate...e espero que mamãs mais experientes me ajudem com comentários ao post!

ainda relativamente ao livro...é mesmo excelente porque está recheado de fotos e desenhos com explicações sobre todas as situações que podem acontecer durante a amamentação!! Recomendo!!! ;o)

16 comentários:

Cláudia disse...

Amamentar é um acto único, minha querida. A todos os níveis. Aproveita-o ao máximo. O diogo agradece ;o)
Beijinhos mimados.

Sofia disse...

Acho que vou recorrer muito ao teu blog quando a Beatriz nascer!

Sofia disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Ana disse...

Ok...vou comprar o livro!
Está decidido

carla disse...

Olá Inês

Ainda bem que conseguis-te encontrar uma boa posição para dar de mamar, eu não tive grandes dificuldades e ainda hoje dou de mamar a minha I. já vai fazer 14 meses dia 15, até agora ainda coloquei a hipotese do desmame, bem bastou o irmão não poder usufruir do leite da mamã, ele é prematuro e foi alimentado por sonda durante um mês tirei à bomba mas no final desse mês já não tinha leite.

A amentação deveria ser mais incentivada e deveria de existir um tipo de formação para as mães.

Desculpa se me alonguei.

Beijocas
Carla

Ana Rute Cavaco disse...

Inês,
Concordo com tudo, sim! Não disseste nenhum disparate!Amamentei até aos 9 meses da Maria e só deixei porque estava a trabalhar e às horas que ela precisava de mim, eu não estava! :(

Costinhas disse...

Olá!

Acho muito bem que divulgues a amamentação e dês essas dicas. Eu também tenho uma listinha no meu cantinho que podes espreitar, pode ser que te seja útil.

Eu como mãe de uma menina de quase 19 meses que ainda mama não podia deixar de defender esta práctica! Faz bem a tudo! A eles, a nós e à carteira!

Beijinhos
Sandra

ana disse...

Espero que continues a escrever sobre este tema. É impossível dizeres disparates, porque contas a tua experiência. Por isso é sempre válida.
JOcas

Luna disse...

Olá Inês!
Afinal sempre vi bem,quando ao inglês que é mau eu sou uma lastima mesmo, sempre safei mais em ciencias do que a letras.
Mas o maridão é uma barra a ingLês eheh eu compro e maridão lé e traduz eheh.
Lá estou eu a fazer projectos aiai ...
por enquanto vou apreendo aqui no teu blog enquanto a cegonha não ver por meus lados.
beijocas para familia ervilho
Luna

Anónimo disse...

:'o)

x

sist

barbarayu disse...

Oi Inês!

Apesar de já ser mamã do Vasco, vou comprar o livro para este segundo filhote. Isto porque apenas dei de mamar 1 mês e meio e reconheço que em grande parte foi por falta de informação, falta de auto confiança, aliada às "opiniões" de avós que mal deram de mamar...

Agora vai ser diferente!

Obrigada!

Bárbara e piratinhas

Isabel (akombi) disse...

olá

uma das coisas que gostei mais foi dar de mamar ás minhas filhas a mais velha mamou até aos 3 anos e a segunda com 22 meses ainda mama.
Apesar de ser muito cansativo, não consigo tirar-lhe a mama, adoro te-la no colo aninhada a mim, e quase já não cabe no colo, por vezes mama sentada ou de pé.

as minhas filhas são muito saudaveis só t~em tido ligeiras costipações, nunca tiveram otites, nunca tomaram antibióticos, e a mais velha já tem 6 anos.

jinhos

pal disse...

curiosamente comprei uma almofada dessas qdo ainda estava grávida, por causa das indisposições, azias e tal - deu um jeitaço tb enquanto dei de mamar!

não disseste disparate nenhum! :)

TrêsGatosMiaus disse...

Descreves tudo até ao promenor... qd for mãe já pelo que vou passar. Continuaaaaaaaaa

Beijocas grandes para ti e para o Diogo lindo

... disse...

Boas dicas...tb me fartei de ler sobre a amamentação e mesmo assim demorei um mês a encarreirar. É muito importante a informação.

Susana Vasconcelos disse...

Olá Inês e Diogo!
Obrigada pelas dicas! Lição apre(e)ndida! Venha a próxima! :-)
Beijinhos grandes para os dois!
Susana+Mateus