sexta-feira, setembro 15, 2006

era por isto que eu ansiava...

para além dos beijinhos que agora, de vez em quando, oferece à irmã...

hoje resolveu que não queria ir de mão dada comigo mas sim...com a mana*!!

(basta-me isto para o dia se iluminar por completo...)

:o))))))))))

*e lá fomos nós, ela no marsúpio, ele a pé, eles de mão dada :o)

17 comentários:

paularaulrodrigocésar disse...

Ternurento...
Eu e o meu irmão temos 22 meses de diferença.
Ainda hoje é o meu herói e eu sempre fui super protegida pr ele.

Vida a 4 disse...

Espero que a minha filha também seja assim para a irmã, quando ela nascer.
Bjs

ursitazul disse...

Deve ser lindo. De certeza que enche o coração de uma mãe.
:o)

Sandra disse...

É maravilhoso! E vê-los a dormir agarradinhos!...É de derreter qualquer um!

Beijinhos

Lara disse...

Olha... que lindo!
Just a note: a Maria decide é que não quer ir a pé. Na rua só quer andar de mão dada com duas pessoas, se for só comigo reclama "coio", "mãeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee, mãeeeeeeeeeeeee"
;)

Xana disse...

Imagino... o teu coração deve ter explodido de felicidade.

Beijos

Kath disse...

Nossa!
Um bebê já vai me deixando doidinha, imagino como deve ser ter dois!!
Mas é uma delícia, né?
Parabéns pelo blog!
beijos
Aurea e Samuel (4 meses)

rute28 disse...

Olha Inês realmente se a estupida da frase valesse dinheiro estava rica e aquela "como é um casal ficam despachados " essa deixam me em fogo já as ouvi tantas vezes... que mania que as pessoa teêm e se quiseremos ter 10 filhos não podemos , e as bocas na rua e os olhares de desaprovação quando os meus tinham a idade dos teus isso afectou-me muito hoje é logo "já te fui pedir algum pacote de leite" ficam arrumados !!!
bjs
~P.S - os laços entre os teus filhos vão ser unicos e eternos , os meus não vivem um sem o outro , é um espectaculo!

Costinhas disse...

já faltou mais para as fotos ;)

Beijos

Ana Costa disse...

que alegria e felicidade ...

ana disse...

olha, fizeste-me lembrar de uns filhos de um amigo. gémeos, o bernardo e a mariana, 18 meses. eu e o amigo a passearmos os miúdos, cada um de nós com um deles ao colo. às tantas paramos antes de atravessar a rua e quando reparamos estão os dois de mão dada, a sorrir um para o outro, embevecidos, com um sorriso largo e escancarado que contagiou toda a gente que passou por nós e me contagia ainda hoje sempre que me lembro desse momento. foram assim pela rua fora até casa.

Quicas disse...

Tão giro. É mesmo um irmão super-protector!!

nana disse...

:'o)))))))))))

xX

DoCeu disse...

Tao e a foto,a ilustrar, ondek tah?!

xxx
T+++ e Mulher

Anónimo disse...

Que lindo :o)

Carla

Rute disse...

Acreditas que quase vos consigo imaginar... lindo!

Beijos,
Rute e André

barbarayu disse...

é de ficarmos derretidinhas, sem dúvida :)

beijinhos!!