segunda-feira, janeiro 15, 2007

aborto - referendo/da profissão

sábado à noite fui a um debate sobre o referendo realizado aqui perto. valeu pela troca de ideias. valeu para me confirmar que há duas facções na luta pelo não, uma com um discurso coerente e inteligente (lembrei-me de ti, ana) e outra com um discurso inflamado e cheia de demagogias. valeu também, e principalmente, para me fazer ver que a chama da indignidade e da luta contra as injustiças ainda ilumina o meu caminho. senti vontade de voltar a arregaçar as mangas e trabalhar por uma sociedade mais justa e mais humana.

quem sabe não há mesmo um lugar à minha espera no serviço social?

7 comentários:

Ana disse...

É muito bom que te sintas assim, cheia de força.
A nossa sociedade precisa de mulheres assim.
Beijocas

Ana A. disse...

É urgente fazer-se alguma coisa, sim!
E quem não tem ideais, resigna-se ao prato que lhe dão.
Fazes muito bem, e tens o meu apoio!
Lembraste-te de mim? Obrigada! ;)))

Ana A. disse...

Sim, confesso que também me irritam as demagogias e os discursos "apaixonados". Têm sempre tendência a resvalar para o exagero...para o falar muito e não dizer nada.
Há que explicar os pontos de vista, sim, mas com serenidade e respeito. E isto tanto vale para os defensores do "não", como do "sim".

Costinhas disse...

Quando chegar a altura arregaça as mangas e não as baixes!

Tu tens a estaleca necessária!

scaf disse...

Em vez de ocuparem o tempo de antena que têm na tv a dizerem disparates, deveriam passar uns debates desse género. O pessoal agradecia :)

Dulce disse...

Eu corroboro o que disse a scaf. O pessoal agradecia!

nana disse...

deves ser a única que ainda tem dúvidas...