terça-feira, janeiro 23, 2007

crescer

em (quase) 2 anos de vida, nunca olhei para trás e senti nostalgia por ver o meu filho crescer, deixar de ser bebé...

agora deu-me para isso. vejo-lhe nas fotografias as bochechas gordas, os sorrisos inocentes, tão bebé, tão pequenino...e vem-me, com toda a força, aquela nostalgia que ouvia aos outros mas nunca havia sentido.

penso que tem a ver com o facto de ela já não mamar. com o facto de ela estar, aos poucos, a querer ser mais menina e menos bebé.

porque ele e ela estarão sempre unidos em mim e os meus sentimentos e emoções embrulhados nos dois, sem ordenação possível.

14 comentários:

Tia Moky disse...

...e isso é crescer!

Estou com saudades vossas!

Beijos

Moky

Mãe Frenética disse...

Ontem tb me deu para isso...
Qdo ele chorou durante a noite com dores e eu peguei nele e me pareceu tao grande... :)

A frase do fim é tão bonita..

Lúcia disse...

Eu senti mais a nostalgia nas primeiras conquistas ( num misto de felicidade e nostalgia ). Agora ainda tenho de vez em quando mas com menos frequência.
Talvez porque tiveste logo a Sara não o sentiste e agora que também ela esta a crescer a olhos vistos começas a sentir. Não sei, é uma hipótese.
Adorei a última frase.
Bjnhs

ni disse...

hmmm...
essa nostalgia costuma dar uns resultados interessantes...
;o)

bjs e abraços!

Sandra disse...

Entendo tão bem o que dizes!

barbarayu disse...

conheço tão bem esse sentimento :)

a única diferença é mesmo este pequenote que guardo na barriga e que me vai fazer relembrar o que é ter nivamente um bebé pequenino nos braços... :)

beijinhos!

Ana Costa disse...

tá na hora do 3º ...

Karla disse...

Tão bonito, tão bonito :)

Anónimo disse...

Tu achas que ele já não é bebe porque o comparas com a Sara, eu tenho uma da mesma idade e acho-a um bebe.
Bjs
Maggy

Costinhas disse...

:)

Beijos

(eu vivo nostálgica desde os primeiros dias :p)

Anónimo disse...

...compreendo-te tão bem Inês!

É indescritível velos crescer...

Nostalgia?
Quaes todos os dias...

Tenho um pai lá em casa "mortinho" pelo 2º...diz-me sp «tens saudades, eu tb, do k estamos à espera?»

Beijinhos grandes

Patrícia+Gustavo (20 meses)

Monica disse...

Ai do que tu te lembraste... já tenho saudades do meu recém nascido (até na barriga) e ainda só tem 6 meses!
Dela então, nem se fala... 4 anos???
Mas por outro lado é tão bom vê-los crescer saudáveis e felizes :)
Beijocas

Mar disse...

:)

A nostalgia é um estado semo-permanente, tem altos e baixos. Mas também é bom vê-los crescer!

mãe babada disse...

E as saudades que eu tenho de estar grávida da minha filha? E dos primeiros dias?
Mas como a Monica disse, também é tão bom vê-los crescer saudáveis...
Beijos